02 julho, 2006

Hoje estou em casa!

Bocas de Lobo e Lavanda de um certo jardim no Lavre...

É domingo, lá fora todos trabalham. Intoxicada de notícias dramáticas, de futebol e de calor, preparo um retiro interior, com alguma música portuguesa, mais alguma brasileira. Ponho as luvas de jardineira e viro-me para o meu blog de plantas. Mais pela tardinha talvez releia o Ensaio sobre a Lucidez. É uma forma de me sentir mais em casa, mais no mundo, neste país onde as pessoas parecem raciocinar de uma forma incompreensível. Mas este é o país deles e ninguém me obriga a viver aqui. Portanto, plantinhas, hoje sou toda vossa! Para visitar o meu último canteiro basta clicar na FICHA TÉCNICA da Lavandula angustifolia. Quem me acompanha?

3 comentários:

ndgarrido disse...

Aprende-se muito, aprende-se muito ... E eu que nunca tinha associado lavanda com alfazema! Tenho um cheirinho, com a mesma origem, na minha sala, num pequeno arranjo num canto escuro..., até parece que tinha lido o post primeiro! Está visto que há gestos que passam de umas gerações para outras. O chamado conhecimento empírico. Partilhemos, então, cheirinhos do mesmo solo. Fica muito bem!

FOTOESCRITA disse...

Chego aqui através da Erml. Achei graça ao estilo de escrita e de observações desenvoltas. Voltarei.
M

L. disse...

Então todas gostamos de alfazema. Gosto muito de uma certa alfazema, aos montes, num certo monte do Lavre. Tenho-a selvagem no pinhal e apenas dois pés, de uma mais civilizada, plantados em vaso, pés esses comprados em Évora.

Recomendo a visita aos blogs da minha amiga M. que nos faz andar de textos para fotos sem parar, tal a qualidade de uns e outros.
Bjo a todas